Patricia Abravanel pede desculpas após declaração sobre gays: ‘Mal interpretada’

Coincidência ou não, após depoimento homofóbico de Patrícia, o ‘Máquina da Fama’ apresentou queda de audiência

Patricia Abravanel se desculpou pela opinião considerada como homofóbica dada durante o “Programa Silvio Santos” deste domingo (8). “Peço desculpa se ofendi alguém ontem no ‘Jogo dos Pontinhos’. Dei apenas minha opinião mas fui mal interpretada. Sou a favor do amor do respeito e da tolerância. Mais uma vez peço desculpas”, escreveu a apresentadora em sua conta de Instagram nesta segunda-feira.

Semanas atrás, o dono do SBT também foi criticado ao brincar com o ator João Guilherme Ávila. Silvio chamou o namorado de Larissa Manoela de “bichinha” por aparecer com batom nos lábios na novela “Cúmplices de Um Resgate”. A polêmica desse final de semana teve início quando o avô de Tiago Abravanel contou ter gostado do filme “Carol”, estrelado por Cate Blanchett, e que conta o romance de duas mulheres. Em seguida, o apresentador se dirigiu à filha número quatro, criticada por Luana Piovani.

“Sou contra ficar propagando em rede nacional que isso é uma coisa normal”, disparou Patricia, alvo de queixa da irmã Silvia Abravanel. “Isso foi uma indireta para mim. Mas isso aqui que eu tô fazendo é propaganda?”, questionou o dono do SBT.

“Não é uma coisa normal. Hoje eu falar que sou contra, eles vão me apedrejar. Eu não sou contra o homossexualismo. Eu sou contra falar que é normal”,disse Patrícia.

Além de ser duramente criticada por anônimos, alguns artistas também se posicionaram contra ela, como a atriz Luana Piovani e seu sobrinho, Tiago Abravanel.