Alagoas terá o seu primeiro casamento coletivo LGBT

Uma parceria entre o Tribunal de Justiça e o Grupo Gay de Alagoas, possibilitará a realização do primeiro casamento coletivo de gays, lésbicas, travestis e transexuais do estado de Alagoas.

A ação ocorrerá em 7 de dezembro, às 16 horas, no jardim do Teatro Deodoro, localizado na Praça Marechal Deodoro da Fonseca, centro de Maceió.

casamento_37A organização do evento afirma que a expectativa é que cerca de 50 casais casem durante esta ação coletiva, a mesma estará abrindo o 15º Ciclo de Ativismo LGBT de Maceió, que se encerrará com a realização da Parada Gay do Estado, que ocorrerá no dia 13 de dezembro do ano em curso.

Para Givanildo Lima, um dos organizadores do evento, “este casamento coletivo é uma resposta à bancada fundamentalista, que tenta a todo custo desestrutura a luta do movimento LGBT, por direitos em prol da causa. Não lutamos pela simbologia da cerimônia, mas sim, pelos direitos que ele nos contempla”.

A ação será restrita para cerca de 200 convidados e contará com a presença de autoridades como, deputados, vereadores, secretários, empresários entre outros, além da presença do presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas, desembargador Washington Luiz Damasceno Freitas, que já confirmou presença, afirma Alex Sander Porfírio, presidente do Conselho Estadual LGBT de Alagoas, e um dos organizadores do evento.

Os casais que queiram formalizar sua união civil durante este casamento deverão entrar em contato com os organizadores do evento através dos contatos: 082 98888-5300 ou e-mail ggal10anos@hotmail.com.